Moradora de Guarapari recebia R$ 7.300 mil do gabinete de Flávio Bolsonaro, diz jornal

51

O senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) empregou nove parentes de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro (PSL), no período em que foi deputado estadual, na Assembleia Legislativa do Rio. Entre eles está Andrea Siqueira Valle, 47 anos, irmã de Ana Cristina, que, segundo reportagem da Agência O Globo, está morando em Guarapari desde o final de 2018 trabalha como faxineira.

O material indica que, antes de se mudar para o litoral capixaba, Andrea trabalhou 9 anos, entre 2008 e 2017, no gabinete de Flávio Bolsonaro, recebendo por mês R$ 7.326,64 de salário bruto, além de R$ 1.193,36 de auxílio-educação. Na época, ela morava em Resende, no Sul do Rio de Janeiro.

Andrea ficou conhecida na cidade carioca por participar de eventos de fisiculturismo e frequentava academia até três vezes no mesmo dia. Ela é uma das 55 pessoas da Assembleia do Rio que tiveram o sigilo bancário quebrado por decisão do Tribunal de Justiça do estado (TJ-RJ), no final de abril.

A investigação apura suposta prática de rachid (quando o assessor devolve parte do salário ao parlamentar), no gabinete de Flávio.

Informações: Tribuna On Line