Temporal no Sul do ES deixa ruas alagadas e escolas destelhadas

Um temporal que atinge cidades da região Sul do Espírito Santo alagou ruas, destelhou escolas, derrubou árvores e deixou parte do município de Alegre sem luz, na tarde desta segunda-feira (11).

O temporal, em Alegre, arrancou o telhado da Escola Viva Aristeu Aguiar e da escola Pedro Simão, derrubou árvores e deixou parte da cidade, incluindo o campus da Ufes no município, sem luz. Segundo a concessionária de energia, EDP, o apagão foi provocado pela queda de árvores, galhos e telhas sobre a rede elétrica. Funcionários trabalham em pontos atingidos para restabelecer a luz.

De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (Sedu), alunos e funcionários da escola não ficaram feridos. Uma equipe irá ao local avaliar os danos e as aulas desta terça-feira (12), estão suspensas.

Na Ufes, os alunos que estavam em aula também foram liberados e aulas no período noturno foram canceladas. Uma equipe trabalha para reparar os danos e a direção ainda não informou se as aulas de terça-feira serão mantidas.

O Corpo de Bombeiros disse que foi chamado para atender uma ocorrência sobre queda de árvores na rodovia BR-482. A Polícia Rodoviária Federal foi acionada para conferir a necessidade de atuação das guarnições do Corpo de Bombeiros, mas não há relatos de acidentes ou feridos.

Alagamento

No município de Apiacá, a chuva provocou uma enxurrada que alagou ruas, lojas e casas. A força do vento também arrancou telhados de construções e derrubou árvores em cima de carros. A Defesa Civil do município está atendendo ocorrências.

Castelo

Já no distrito Alto Córrego da Prata, em Castelo, uma moradora registrou chuva de granizo.

Fonte: g1