Motorista fura blitz e provoca acidente com vítimas graves na BR-101 na Serra, ES

Um motorista foi preso após provocar um acidente com pelo menos quatro feridos graves na BR-101, na Serra, na noite desta quinta-feira (31). Segundo a ocorrência, ele furou uma blitz da Polícia Rodoviária Federal (PRF), foi perseguido e acabou batendo em dois carros ao invadir a contramão. O homem não tinha carteira de habilitação e tinha passagem pela polícia.

O acidente aconteceu por volta de 21h, depois que o motorista não obedeceu a ordem de parada dos policiais rodoviários federais, que faziam uma blitz em frente ao posto da Serra. Ele acelerou com o carro e fugiu.

Os policiais foram atrás dele, mas a perseguição durou pouco. Cerca de 1 km à frente, no sentido Vitória, o motorista invadiu a contramão e bateu em dois carros que passavam pela BR-101.

Segundo a PRF, quatro ocupantes dos carros ficaram gravemente feridos e foram socorridos para hospitais. Entre os ocupantes dos veículos estavam duas crianças, de dois e nove anos, mas elas não se feriram porque estavam nas cadeirinhas de segurança, de acordo com a polícia.

As quatro vítimas e o motorista que provocou o acidente – que teve ferimentos mais leves – foram levadas para o Hospital Jayme Santos Neves, na Serra.

Por volta das 5h30 desta sexta-feira (31), o motorista teve alta e foi levado para Delegacia Regional da Serra. A polícia descobriu que ele não tem carteira de habilitação e também já esteve preso por envolvimento em quadrilha de roubo a carga.

A polícia também suspeita de que ele usava documentos falsos, porque tem mais de 50 anos de idade e os documentos que ele possui foram tirados há menos de dois anos, o que pode ser um indício.

Não há mais informações sobre os estados de saúde dos feridos graves.

Fonte: g1