Câmara de Castelo aprova aumento de 41% em salário do prefeito, vice e vereadores

A Câmara dos Deputados de Castelo, no sul do Espírito Santo, aprovou, por 8 votos a 4, o projeto de aumento em 41% do subsídio para os cargos de prefeito, vice prefeito, vereadores e secretários municipais. O reajuste é válido para a próxima legislatura, que vai de 2021 a 2024.

A votação, que aconteceu na última terça-feira (26), começou com sessão ordinária e terminou em sessão extraordinária. O valor do reajuste será feito de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2012. Caso o projeto seja sancionado, o salário de prefeito passa de R$ 12,9 mil para R$ 18,2 mil.

No caso do vice-prefeito, o valor passa de R$ 6,8 mil para R$ 9,6 mil. Os salários dos vereadores passam de R$ 4,9 mil para R$ 6,9 mil e dos secretários municipais, de R$ 5,3 mil para R$ 7,6 mil.

Os vereadores que votaram favoráveis à proposta foram: Celsinho Calegário (PV), Paulo Ivan Casagrande (PV), Vermelho (SD), Domingos Fracaroli, Mylena Pedruzi (PPS), Everton Zanúncio (PDT), José Renato Côgo (SD), Patrick Alledi (PSD) e Dimas Luzório (PSB). Os parlamentares contrários à proposta foram: Douglas Falçoni (PP), Tiago da Papelaria (PTB), Gerson Piassi (DEM) e Cristiano Dias Viteli (PR).

Fonte: folhavitoria