Banco Central determina falência da Dacasa Financeira e da corretora Uniletra

246
Empresas faziam parte do Grupo Dadalto e foram consideradas em grave situação patrimonial e com risco anormal aos credores

O Banco Central decretou hoje a falência da Dacasa Financeira e da corretora de valores Uniletra Corretora de Câmbio, Títulos e Valores Mobiliários. As duas empresas financeiras faziam parte  do Grupo Dadalto. A decretação foi publicada nesta quinta (13).

O motivo alegado foi o “risco anormal aos credores”. “Considerando a grave situação patrimonial, as graves violações às normas legais que disciplinam a atividade da instituição, bem como a existência de prejuízos que sujeitam a risco anormal os seus credores”, diz o texto publicado pelo Banco Central.

Ainda de acordo com o BC, o liquidante nomeado é  Eduardo Felix Bianchini e a o termo legal de liquidação extrajudicial fica datado de 15 de dezembro de 2019.

A Dacasa está no mercado há 35 anos e conta com  49 lojas, distribuídas nos por  Espírito Santo, Rio, Bahia e Minas. Segundo o site da financeira,  mais de  3 milhões de clientes têm produtos da empresa, que tem em seu portfólio  empréstimo pessoal, o crédito direto ao consumidor (CDC),  empréstimo consignado e cartão.

A direção da Uniletra foi procurada mas disse que apenas o interventor pode se pronunciar. A reportagem tenta contato com o interventor, Eduardo Felix Bianchini.

Informações: Folha Vitória