Prefeito de Itapemirim é condenado a mais de 9 anos de prisão

111

O prefeito do município de Itapemirim, Luciano Paiva Alves (PROS), foi condenado pelo Tribunal de Justiça. Ele já estava afastado do cargo e, apesar de a condenação ser de nove anos e um mês de prisão, ele poderá recorrer em liberdade.

De acordo com o Tribunal de Justiça do Estado, Alves foi condenado por supostas irregularidades em sete contratos de shows artísticos e um contrato de publicidade firmados pela prefeitura. Somados, os contratos chegam a mais de R$ 1 milhão.

Além da pena, o Tribunal de Justiça determina a perda do mandato e a inelegibilidade do político por oito anos. Cabe recurso no Superior Tribunal de Justiça.

A defesa do prefeito não foi localizada pela reportagem até a publicação desta matéria.

Informações: Folha Vitória